Biografia

A música entrou na vida dos mineiros Di Paullo & Paulino quase que por acaso. Para agradar o pai que tinha uma coleção de instrumentos musicais, os irmãos aprenderam a tocar seguindo a aptidão e a sensibilidade. O que começou como brincadeira foi se tornando cada vez mais profissional. Com o incentivo da família, eles começaram a se apresentar nos circos das cidades vizinhas. Aos poucos, eles foram conquistando todo o interior de Minas Gerais. O sucesso era tanto que entre 1973 e 1975, já haviam gravado 3 discos, em uma época que a música sertaneja ainda sofria discriminação.

Em 1976, durante uma apresentação da qual o pai os acompanhava, ao avistarem o trem de ferro com destino a Goiânia, partiram rumo ao desconhecido. Na nova cidade, começaram a se apresentar em festas agropecuárias, exposições e programas de auditório. Após o sucesso de uma participação em um programa de rádio, Di Paullo e Paulino conquistaram cadeira cativa na atração e ainda arranjaram tempo para afinar os instrumentos dos músicos principiantes da época. Foi nesse período que conheceram os irmãos Leandro & Leonardo e Zezé Di Camargo & Luciano, de quem são amigos e nutrem muita admiração até hoje.

Na década de 80, lançaram o quarto disco, Cama Triste (1980), o quinto trabalho todo instrumental chamado Solo de Viola (1982). Em seguida veio É Amor (1987) onde a música Passarinho do Sertão teve grande repercussão. Depois disso vieram os discos Presente de Natal (1990) e Onde Anda Você (1996), que projetaram ainda mais a dupla no centro–norte do país. Com o tempo, Goiânia começou a ficar pequena diante do potencial de Di Paullo & Paulino.

Para se aprimorar, Di Paullo & Paulino começaram a pesquisar diferentes sons, novas harmonias e arranjos. Essa pesquisa culminou no álbum Tô Por Aí (2000), o mais maduro e completo da dupla. A música título do disco foi uma das mais executadas nas rádios, de norte a sul do país, conquistando fãs apaixonados que os acompanham por shows em todo o Brasil.

Em 2002, os irmãos decidiram presentear os fãs com o CD ao vivo Só Modão, onde destacaram as músicas “Amor de Primavera”, “Onde Anda Você”, e as regravações “Telefone Mudo”, “Sonhei com Você”, “Barco de Pape”l, “Ainda Ontem Chorei de Saudade”, “Ilusão Perdida” dentre outras. Em 2004, a dupla lança seu décimo trabalho chamado O Coração Chora, com destaques para as músicas “O Que é Que Eu Sou Sem Você”, “Coração Chora” e “Nada Mudou”.

Em 2005, a dupla dá seqüência ao projeto de recordar grandes sucessos das décadas de 70 e 80 e lança Di Paullo e Paulino Ao Vivo, gravado em Uberlândia, Minas Gerais. Em 2007 o álbum Hora Certa, mostra um repertório praticamente inédito, com canções românticas e dançantes, com destaque para as faixas “A Linguaruda” (Nilton Lamas), “Um Outro Alguém”, “Tô Sabendo”, “É Segredo”, e “Hora Certa”, escolhida como música de trabalho.

Gravado no Atlanta Music Hall em Goiânia, o primeiro DVD da dupla contou com a presença vibrante de um público de aproximadamente 6.500 pessoas. Lançado em 2009, a gravação, além de todos os sucessos da carreira, registra uma homenagem aos pais, Sr. Luiz e Sra Luiza, que foram os primeiros incentivadores da dupla. Conta também com a participação especial de Gino e Geno no hit “Amor de Primavera”.

Em 2013, Di Paullo & Paulino passam a fazer parte do casting da Som Livre, com o lançamento do box “Amor de Primavera”, reunindo seus maiores sucessos.

Di Paullo e Paulino têm no repertório, o diferencial mais importante dos seus discos, privilegiando a qualidade, a intuição e o bom gosto na concepção dos arranjos, o que pode ser conferido no novo DVD “Não Desista”, gravado em Goiânia e que a Som Livre acaba de lançar.

Para 2016, Os “Cowboys da Viola” continuam rodando o Brasil, encantando plateias, com seu carisma e sua toada de amor!

Discografia

Imprensa

Material

Release / Biografia (pdf)
Logomarca (ai, png, pdf)
Foto de trabalho (jpg)

Contato

Shows

Angela Rodrigues

(11) 3331.8038 / (11) 99143.2045 / (11) 98608.2120